As imersões, vivências e residências da Terra Afefé são proposições artísticas em que criamos coletivamente ações que possibilitam o diálogo entre arte e vida, com pessoas de diversas áreas construindo um cotidiano a partir da convivência, da observação da natureza e de nossas pulsões criativas.

Terra Afefé busca um movimento de fazer e pensar arte a partir de uma perspectiva intuitiva e abrangente. Por isso, habitar na Terra Afefé é um convite para as pessoas que desejam vivenciar sua potência criativa em confluência com as experiências que acontecem aqui. 

Sao Joao terra afefe

Lembra quando você era criança e vestia roupas juninas para viver dias intensos de quadrilha e muita comida gostosa? Ou de dançar aquele forró agarradinho com a pessoa que mandou um bilhete no correio elegante? Se você viveu tudo isso e quer relembrar ou se nunca experienciou nada que tá escrito aqui, vem viver O Maior Mini São João do Mundo na Terra Afefé. Durante 7 dias teremos uma programação de um São João raiz. No cenário mais bonito que se pode imaginar, no coração da Bahia e com todas as

O programa Habitar é semestral, a cada mês Terra Afefé recebe até 10 habitantes para vivenciar a micro cidade. Vamos, neste período, aprender sobre convivência e fazer artístico, criando uma rotina de integração com a natureza e nossas subjetividades. É direcionada para pessoas que desejam se aprofundar em vivo diálogo com a Terra, podendo utilizar o espaço para desenvolver algum projeto e/ou ativar a comunidade local.

carnavalizar - terra afefe

Carnavalizar é uma imersão artística onde iremos evocar o carnaval em nossas corpas. Vamos criar nosso próprio bloco de carnaval, com estandarte, carro alegórico, desfile e fantasias. Vamos cantar, dançar e extravasar toda nossa energia, alegria e ousadia. Vem carnavalizar na Terra Afefé!

reconstruir_terra_afefe

Reconstruir é uma imersão artística para resgatarmos nosso fazer construtivo a partir de práticas artísticas.  Vamos relacionar memória e prática, abrindo espaços internos e externos para criarmos sem a preocupação do julgamento de certo e errado. Em nossos encontros, a proposta é nos aproximarmos do ato de construir de forma intuitiva e gestual.

imersão artística Terra Afefé_ coexistir

COEXISTIR é uma imersão para nos aproximarmos de fazeres intuitivos e genuínos em convivência com a natureza, a comunidade, nosso corpo e nossa ancestralidade.

Paredão é uma imersão artística para vibrarmos com a chegada de 2022 do jeitinho que o nosso corpo merece. Explorando a liberdade do nosso corpo, com a natureza e com a música.

É uma imersão que tem a inspiração de questionar e investigar se os modelos de percepções de prazer te contemplam ou simplesmente condicionam a uma programação de “prazer fast” ou mecânico. Com objetivo que não sejamos mais depósitos de expectativas como: cultura de culpa; cultura de medo; cultura de performance; cultura de pecado. Que cada pessoa possa habitar seu corpo/prazer e não terceirizar esse aspecto da sua Vida.

Ninho

Ninho é uma imersão artística para aprendermos e cocriarmos com a inventividade das crianças, imergirmos nas brincadeiras e no olhar curioso, em um espaço propício para ativarmos nosso lado mais divertido e intuitivo. Propormos a bio-construção de ninhos, pequenos espaços/lugar que construímos para nos recolher. Vamos caminhar por trilhas ecológicas, tomar banho de cachoeira, brincar, dançar e nos fantasiarmos porque é carnaval. Esta é uma imersão voltadas para crianças jovens e adultes, artist

COEXISTIR

COEXISTIR parte do desejo de criar frestas de liberdade, alegria, amor e afetos potencializadores. Uma imersão artística que se propõem a pensar formas de habitar em convivência com a Terra, a ancestralidade, os saberes locais e a escuta do corpo sensível. Em conexão com as ecologias do mundo, busca-se pensar as relações entre arte e vida, o dentro e o fora, natureza e cultura, a fim de romper com os dualismos próprios da colonialidade e construir um movimento utópico de coexistência.

APAZIÁ

Apaziá surge da vontade de pousar os pés na terra e deixar o vento forte balançar as ideias. É uma residência artística voltada para quem se relaciona com arte em seu sentido plural e esteja interessade na troca com a comunidade local. Uma residência artística que compreende a produção não pela lógica do trabalho, mas pelas relações interpessoais e intercâmbio de saberes, pensamento e afetos.